CABINE DE JATEAMENTO

Nossas cabines de jateamento operam com qualquer tipo de abrasivo e garantem altíssimo índice de produtividade, uma vez que a reciclagem do abrasivo é feita automaticamente e simultaneamente com a operação de jateamento, permitindo o reinício imediato do trabalho quando esgotada a carga. Esse sistema necessita de fundações extremamente reduzidas, podendo ser inclusive construído sem a necessidade de fundações ou ainda em cabines móveis tipo container.

Todas as cabines atendem todas as NR's Brasileiras (NR10, NR12, NR13, entre outras).

 

CARACTERÍSTICAS:

• Portas: a(s) porta(s) de serviço podem ser metálicas de abertura manual, em correia transportadora motorizadas ou ainda no teto. A(s) porta(s) do(s) operador(es) possuem barra antipânico.

Luminárias: possuem vedação contra o pó e o abrasivo e são dimensionadas para a obtenção de iluminância conforme a norma ISO 8995-1:2002.

Câmara de trabalho: construídas em perfis de chapa de aço e parafusados entre si, são modulados a fim de atender a qualquer dimensão. Na sua parte interna, exceto no teto, existe um revestimento de borracha.

Transporte horizontal do abrasivo: possui sistema com carros raspadores ou, opcionalmente, com roscas, correias transportadoras ou ainda apenas uma moega de captação junto ao elevador de canecas.

Painel de comando: montado em armário blindado, equipado com CLP para o controle automático das funções do equipamento, além de um sistema segurança que impede o jateamento com porta(s) aberta(s). Atende as principais normas internacionais entre elas a EN 60204-1, e as nacionais NR-12 e NR-10.

Máquina de jateamento: possui vaso(s) de pressão construído(s) de acordo com a norma ASME VIII, testado hidrostaticamente, comando pneumático a distância, de proteção do(s) operador(es), filtro de ar apropriado para a respiração humana. Também há um sistema pneumático de grande eficiência e bico(s) de alto rendimento. Pode ser equipada com sensor de nível para reabastecimento automático do abrasivo.

Elevador de canecas e purificador de abrasivos: o elevador possui canecas em com alta teor de cromo de alta resistência a abrasão e é acionado diretamente por um moto redutor. O purificador de abrasivos é extremamente eficiente e de fácil regulagem.

Sistema de exaustão: a combinação de defletores para admissão/saída de ar garantem excelente visibilidade, bem como eliminam o desperdício de abrasivo. O Coletor de Pó possui fluxo de ar descendente (patente requerida), e filtros cartuchos com elementos em poliéster com sistema de limpeza  automático por pulse-jet controlado eletronicamente. Opcionalmente pode-se entre outros itens fornecer o equipamento com abafador de ruído/filtro posterior tipo HEPA.

 

PRINCIPAIS OPCIONAIS:

Abertura no teto;

Robô para manipulação do(s) bico(s);

Carro porta peça(s), manuais ou motorizados;

Trilhos para carros;

Monovias para transporte de peças;

Combinação com sistema de pintura (para cabines de grande porte);

Climatização (controle de umidade).

ITEM

DADOS

COMENTÁRIOS

Câmara de jateamento.

Metálica modular, com revestimento nas paredes em borracha.

Produzida sob encomenda na dimensão desejada pelo cliente.

Porta(s) de serviço.

01 ou 02 (tipo túnel).

Com abertura manual ou motorizada.

Porta(s) do(s) operador(es).

Com barra antipânico.

Mandatório nas cabines com porta(s) motorizada(s) ou que combinem operação de pintura.

Iluminação.

Conforme NBR ISO8995-1:2013.

Equiv. ISO 8995-1:2002.

Iluminação de emergência.

Conforme NBR 10898.

Equiv. IEEE 446-1995.

Sistema de recolhimento no piso.

Automático, semiautomático ou manual. Por carro raspador, rosca ou correia transportadora.

Definido pelo tipo / volume de trabalho.

Transporte vertical do abrasivo.

Elevador de canecas.

Equipado com canecas fundidas em ferro cromo.

Purificador de abrasivos.

Com lavagem por ar.

Opcional: peneira vibratória.

Silo de abrasivo.

Para 1 até 12 máquinas, capacidade de até 250 ton de abrasivo.

 

Máquina(s) jateamento.

1 à 36 saídas com comando a distância. Fabricadas de acordo com a ABNT NBR 16035-3.

Com uma ou mais saída por máquina.

Equiv. ASME seção VIII, divisão1 (revisão2001)

Equipamento proteção operador.

Capacete com sistema de tratamento e climatização do ar.

Produzido de acordo com NBR 14750:2001 – CA 32.708.

Equiv. EN 14594:2005 Class 4B e AS NZS 1716:2003.

Sistema de exaustão.

Com fluxo de ar descendente ou semi-descedente, com coletores de pó alta eficiência (Pat. Req.), De acordo com ANSI/AIHA Z9.4.

Coletor com patente requerida possui exclusivo sistema interno com fluxo de ar descendente.

Painel de comando.

Em armário blindado, equipado com CLP, construído de acordo com EN60204-1:2006.

Opcional com padrão “UL”.

Sistema de segurança.

ABNT NBR ISO12100.

 

Emissão de particulados.

Sem opcionais ~ 3- 5mg/Nm³.

Com filtro posterior tipo HEPA < 1mg/Nm³.